Dica 18: Como devo declarar as mais-valias das ações?

Se teve mais-valias com as vendas de ações, saiba como deve declará-las no IRS.

acoes

Como devo declarar as mais-valias das ações

Se é investidor em ações e no ano passado teve mais-valias relacionadas com a venda de ações, deverá declarar no anexo G (quadro 8), identificar as ações que vendeu e colocar o valor de compra e de venda dos títulos e será taxado (tributação autónoma) a 28%. Nas despesas com a venda deverá incluir as comissões pagas, as taxas de bolsa e de corretagem. De referir que até ao ano passado, os investidores que tivessem uma mais-valia até 500 euros com a venda destes títulos estavam isentos de imposto.

Também pode optar pelo englobamento e a taxa de imposto a aplicar será a taxa de IRS em vigor sobre a totalidade dos rendimentos. Esta opção pode compensar quando a taxa a aplicar for inferior a 28%, como no caso do primeiro escalão, em que a taxa é 14,5%.

 

Número: 33%

Foi quanto aumentou o número de ordens dadas pelos investidores sobre compra e venda de ações, nos dois primeiros meses do ano, segundo dados da CMVM. O último relatório estatístico relativo à atividade de receção de ordens por conta de outrem mostra que em Janeiro e Fevereiro de 2014 (os últimos dados disponíveis) os investidores deram mais de 488 mil ordens de compra e venda de ações, num montante global de mais de 11 mil milhões de euros.

Fonte: Relatório Estatístico relativo à atividade de receção de ordens por conta de outrem

 

Leia também os seguintes artigos relacionados com o mesmo tema:

Como declarar os investimentos no IRS

Cinco ‘apps’ gratuitas para investidores

Opinião: Poupar e investir em fundos de investimento

Conheça três carteiras de investimento para 2014

Leia aqui todas as dicas: 

Dica 1: Durante quanto tempo devo guardar os documentos de IRS?

Dica 2: Como posso doar uma parcela do meu imposto?

Dica 3: O que fazer para entregar o IRS pela internet?

Dica 4: O que acontece se me atrasar com a declaração?

Dica 5: União de facto: IRS em conjunto ou em separado? 

Dica 6: Estou desempregado. Tenho de preencher o IRS?

Dia 7: Como incluir o benefício fiscal do IVA na declaração do IRS?

Dica 8: Que despesas posso deduzir na declaração de IRS? 

Dica 9: Passei um recibo de ato isolado. Quando entrego o IRS? 

Dica 10: Rescindi com a empresa por mútuo acordo. Onde ponho a indemnização?

Dica 11: Englobar os rendimentos é vantajoso? 

Dica 12: Devo declarar a pensão de alimentos paga aos meus filhos?

Dica 13: Senhorios: Como declarar as rendas recebidas no IRS?

Dica 14: Sou pensionista. Como devo declarar a CES no IRS?

Dica 15: Cometi um erro ao preencher o IRS. O que devo fazer?

Dica 16: Resgatei o meu PPR em 2013. Tenho de declará-lo?

Dica 17: O meu filho estuda e trabalha. Declaro-o como dependente no meu IRS?

Dica 18: Como devo declarar as mais-valias das ações?

Dica 19: Sou trabalhador independente. Como serei tributado?

Dica 20: Emigrei em 2013. Tenho de preencher o IRS em Portugal? 

 

 

Deixe um comentário

A Caixa de Comentários é moderada. O Saldo Positivo reserva-se o direito de não publicar os comentários que possam ser considerados ofensivos.

PUB