Como melhorar a sua imagem enquanto empresário?

Saiba como criar um impacto positivo no mundo dos negócios através da sua imagem.

imagemartigoSabia que 93% da primeira impressão que uma pessoa pode causar junto de uma audiência baseia-se na comunicação não-verbal? E que o conteúdo ou o discurso representam apenas 7%? E sabia que os primeiros 30 segundos são fundamentais para deixar uma boa impressão numa reunião ou conversa. Quem o diz é Manon Alves, diretora da Colour Me Beautiful em Portugal, e que esteve presente no ‘workshop’ “Marca Pessoal para o Sucesso Profissional” organizado pela plataforma online para mulheres empreendedoras –WomenWinWin– a 30 de setembro, em Lisboa.

“Temos ideias pré-concebidas sobre determinadas profissões, avaliamos as pessoas pela forma de vestir e não pelo interior”, começou por explicar a consultora de imagem. Manon insistiu na necessidade de adaptar o modelo de negócio ao vestuário. E avançou com alguns exemplos: “Se trabalho em publicidade ou criatividade, tenho roupas originais. Se a minha empresa cuida de canalizações, resolve problemas, devo usar roupas práticas e confortáveis e não fato e gravata”, garantiu Manon.

Para esta consultora de imagem, um outro aspeto que não deve ser descurado são as cores. “Temos que ligar a imagem da nossa empresa à nossa aparência pessoal”, afirmou Manon. Por exemplo, usar roupas com cores como o vermelho transmite alegria, força e confiança ao cliente. “É a cor ideal para vender um projeto, por exemplo”, disse a responsável pela consultoria de imagem. E desengane-se quem considera que este é tema fechado ao universo feminino. “As roupas e a forma como vestimos tornam-nos mais credíveis e mostram as nossas capacidades. E isso também se aplica aos homens”, acrescentou Manon que ajuda muitas pessoas do sexo masculino a combinar padrões certos com o guarda-roupa formal, ‘business casual’ ou informal e para determinadas reuniões de negócio.

 

Como a imagem ajuda a reforçar os valores de uma marca

Para a consultora, o impacto da imagem profissional tem uma importância decisiva no mundo dos negócios. Não só de quem administra mas também dos colaboradores que a representam. Os funcionários que transmitirem uma imagem correta, reforçam a qualidade e os valores da marca ao mesmo tempo que contribuem para alcançar o potencial máximo da empresa. “Um gestor de um banco terá credibilidade se estiver de calças de ganga e t-shirt?”, questionou Manon.  Segundo a responsável, nestes casos, as pessoas desconfiam. Nomeadamente, se podem confiar “dinheiro a essas pessoas, vestidas de forma tão casual”.

Além da preocupação com o vestuário, Manon afirmou ser necessário que os empresários portugueses pensem na comunicação como um todo. “A minha imagem tem de ser coerente com a minha roupa, com a filosofia da minha empresa, com o meu caderno e cartão-de-visita”, exemplificou. O uso correto das redes sociais também foi abordado no ‘workshop’. “Tenho que saber qual é a rede de que preciso. Não preciso nem posso estar em todas”, afirma a diretora da Colour Me Beautiful em Portugal que mostrou alguns maus exemplos.

Para Maria José Amich, diretora da plataforma WomenWinWin, é importante sensibilizar a comunidade empresarial da importância da aparência. “Ganhamos potencial de negócio se a nossa imagem se adequa àquilo que projetamos”, diz a responsável.

 

Leia também:

 

Oito dicas para vender a sua imagem

Conheça as 10 empresas mais inovadoras do mundo

As 11 cidades com mais oportunidades de negócio

Conheça as sete startups mais promissoras em 2015

“Queremos ajudar as empresas a gerir as finanças”

Como gerir a empresa através do seu smartphone?

Os 10 Melhores Sites para Empreendedores

Deixe um comentário

A Caixa de Comentários é moderada. O Saldo Positivo reserva-se o direito de não publicar os comentários que possam ser considerados ofensivos.

PUB
PUB
PUB