6 passos para conseguir uma Linha de Crédito Capitalizar

Saiba como pode candidatar a sua PME à Linha de Crédito Capitalizar, passo a passo.

Candidate a sua PME à Linha de Crédito Capitalizar, passo a passoEstão abertas as candidaturas para a Linha de Crédito Capitalizar. A dotação global é de 1.600 milhões de euros e pressupõe também o acesso ao Sistema de Garantia Mútua. Isto com isenção das comissões de crédito cobradas pelas entidades bancárias.

Para ter acesso às várias linhas de crédito, deve apresentar candidatura junto de um dos bancos protocolados. O processo segue uma linha de aprovações entre o banco, a Sociedade de Garantia Mútua associada e a PME Investimentos – que gere a iniciativa. Descubra como proceder, passo a passo, e o tempo necessário até o financiamento ser concedido.

 

1. Informe-se antecipadamente das opções, requisitos e condições específicas da Linha de Crédito Capitalizar. Consulte-as aqui.

Pode conhecer a Linha “Micro e Pequenas Empresas”; a Linha “Fundo de Maneio”; a Linha “Plafond de Tesouraria”; a Linha “Investimento Geral”, para investimento em novos ativos e aquisição de partes sociais de complemento à atividade; e a Linha “Investimento Projetos 2020”, que permite financiar investimentos elegíveis em projetos já aprovados no âmbito dos fundos comunitários Portugal 2020.

 

2. Dirija-se ao balcão do Banco e formalize a candidatura

Pode candidatar-se apenas a uma das Linhas de Crédito ou optar por candidaturas simultâneas em diversas linhas, desde que cumpra os requisitos estipulados.

Tenha ainda em conta que cada uma das linhas tem um montante máximo a conceder por empresa, variando entre 25 mil euros (para micro empresas financiadas através da linha “Micro e Pequenas Empresas) e dois milhões de euros (para empresas com estatuto PME Líder financiadas através da Linha “Investimento Geral” ou da Linha “Investimento Projetos 2020”). Conheça todos os montantes máximos e restantes condições da iniciativa neste documento da PME Investimentos.

 

3. O Banco dá início ao processo de aprovações

Depois de entregar a candidatura da sua empresa a uma (ou várias) das linhas de financiamento, pode acontecer uma de duas situações:

a) A candidatura é rejeitada: Nesta situação, o banco comunica imediatamente a decisão à sua empresa.

b) A candidatura é aprovada: O Banco determina uma primeira aprovação à candidatura e remete a informação necessária à Sociedade de Garantia Mútua (SGM) da atividade ou área geográfica da sua empresa.

 

4. Aguarde que a SGM dê aval à operação de crédito

Enquadrado no Sistema de Garantia Mútua, a aprovação do crédito depende da garantia dada por uma SGM. Para saber mais sobre este mecanismo, leia o artigo “O que é o sistema de garantia mútua?”.

A SGM deve comunicar a sua decisão ao banco num período entre três e 17 dias úteis. No caso das candidaturas ao abrigo da Linha “Micro e Pequenas Empresas”, considera-se que há uma aprovação automática por parte da SGM (exceto no caso de antecedentes de incumprimento da empresa ou operações de crédito recentemente recusadas).

 

5. Espere pela luz verde da PME Investimentos

Depois da aprovação do banco aderente e da SGM, apenas terá de aguardar a aprovação da PME Investimentos. Também nesta fase é o banco que remete os elementos necessários para esta aprovação.

A PME Investimentos deverá comunicar a sua decisão ao banco num prazo máximo de cinco dias úteis.


 

6. Assine o contrato com o seu Banco e receba o financiamento

Quando todas as entidades intervenientes aprovarem a candidatura, está em condições de firmar o contrato de crédito e receber o montante contratado. Tenha em atenção que a operação deverá ser formalizada pelo Banco junto da sua empresa num prazo máximo de 60 dias úteis após confirmação da PME Investimentos.

Ou seja, o financiamento através da Linha de Crédito Capitalizar para a sua empresa demora, no máximo, 87 dias úteis a ser aprovado e contratualizado, depois da candidatura.

As vantagens de ser PME Líder

A sua empresa tem o estatuto PME Líder? Nesse caso, tire partido de condições vantajosas de financiamento ao abrigo das Linhas de Crédito Capitalizar. Com este estatuto, terá acesso a estas duas vantagens:

– Maior limite máximo de financiamento, nas Linhas “Fundo de Maneio”, “Plafond de Tesouraria”, “Investimento Geral” e “Investimentos Projeto 2020”;

– Spread menor em todas as Linhas de Crédito Capitalizar.

 

Leia também:

PME: já conhece a nova linha de crédito Capitalizar?

Fundo de maneio: Perceba a importância para a sua empresa

Conciliação bancária: Saiba como fazer passo a passo