Estratégias para valorizar e vender a sua casa

A localização e as áreas são alguns dos aspetos que determinam o valor do imóvel. Saiba como pode valorizar a sua casa em tempos de crise.

casaartigoCom o mercado imobiliário em queda, é cada vez mais difícil um consumidor conseguir vender a sua casa a um preço que o satisfaça e sem demorar muito tempo. Miguel Poisson, diretor geral da ERA Portugal, defende que estas dificuldades se devem, sobretudo, porque existe no mercado um excesso de oferta imobiliária face à procura. ”Por outro lado, o vendedor a título particular não tem os meios tecnológicos e de marketing adequados para atrair compradores. Está ainda inevitavelmente circunscrito a um mercado mais limitado, e por isso acaba por ter uma menor probabilidade de angariar compradores”, refere este especialista.

Ainda assim, existem algumas estratégias que podem ser colocadas em prática para facilitar este processo. Marisa Azevedo, agente imobiliária da Remax, dá a sua “receita”. Ela considera que “existem três passos essenciais para o sucesso na venda de uma casa: 1) Apresentação, preço e posicionamento do imóvel; 2) Implementação de um plano de marketing eficaz, destinado ao público-alvo da casa; 3) A escolha de um consultor imobiliário de uma rede imobiliária líder, com experiência, formação e um histórico comprovado de fecho de negócios.”

Aqui ficam então algumas dicas que poderão ajudar a valorizar a sua casa e a facilitar o processo de venda do imóvel.

1. Localização:

A localização é o primeiro fator a analisar quando queremos comprar uma casa. Mas existem outros aspetos aos quais que deve ter atenção, quer esteja na posição de comprador ou de vendedor. Marisa Azevedo, agente imobiliária da Remax, refere que a oferta no mercado de imóveis comparáveis também influencia o preço final, e também não devemos esquecer a orientação solar e o estado de manutenção da casa.

Já a experiência de Miguel Poisson, da ERA Portugal, diz-lhe que o que os potenciais compradores mais valorizam é a centralidade, a proximidade de espaços verdes e zonas comerciais e as áreas do imóvel. “Hoje em dia, as pessoas que trabalham nas grandes cidades dão valor a todos os elementos que os façam ganhar tempo, assim as pessoas valorizam casas em zonas com bons acessos, servidas por boas redes de transportes e próximas dos seus locais de trabalho e das escolas dos filhos”.

Continue a ler o artigo nas páginas seguintes: 1 2 | Ver artigo Completo

Deixe um comentário

A Caixa de Comentários é moderada. O Saldo Positivo reserva-se o direito de não publicar os comentários que possam ser considerados ofensivos.

PUB