Nova diretiva europeia vem revolucionar os seus pagamentos

A Nova Diretiva Europeia de Pagamentos ou DSP2 já foi transposta para o nosso ordenamento jurídico.

O que não acontecia até agora. Ou seja, o cliente será agora confrontado – mas também salvaguardado – por um sistema de Autenticação Forte (Strong Customer Authentication – ver caixa de texto).

Liberalizar é descontrolar?

Definitivamente não. Se mais tecnologia e diversidade de escolha poderia significar mais riscos, o que se irá passar é justamente o oposto. Os riscos passam a ser mitigados. E mais uma vez, isso traz uma fileira de vantagens aos utilizadores ou aos clientes bancários. Cada operação de pagamento só pode ser concluída, na sequência de uma validação com dupla credenciação do pagador.

Em caso de, mesmo assim, este sentir-se lesado nalgum pagamento, cabe ao banco reverter a operação e eventuais despesas associadas até ao dia útil imediatamente a seguir (expecto se existirem suspeitas fundadas de fraude por parte do cliente).

Continue a ler o artigo nas páginas seguintes: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 | Ver artigo Completo

Deixe um comentário

A Caixa de Comentários é moderada. O Saldo Positivo reserva-se o direito de não publicar os comentários que possam ser considerados ofensivos.

PUB