Seguros de capitalização para todos

Os seguros de capitalização podem ser um bom investimento a longo prazo. Saiba o que deve ter em conta quando estiver analisar estes produtos.

Muitos são os tipos de seguros existentes em Portugal e uns são mais comuns do que outros. Uma das vertentes do ramo vida é a dos seguros financeiros ou de capitalização. Vantajosos a nível fiscal para os detentores do produto por mais de 8 anos, os seguros de capitalização não são seguros normais, mas sim seguros que permitem a capitalização de poupanças, normalmente com capital de investimento garantido.

Os seguros de capitalização podem ser bons para quem investe a longo prazo.

Contudo, serão os seguros financeiros um bom investimento para pensar a longo prazo? O Saldo Positivo vai dar-lhe a conhecer os seguros de capitalização, para que, na hora de investir, saiba realmente como está a aplicar o seu dinheiro.

O que é um seguro de capitalização?

Estes seguros não são mais do que produtos financeiros de instituições bancárias ou seguradoras, destinados à poupança, que garantem, ou não, o capital investido, passado um determinado período de tempo. São aplicações aconselhadas para quem gosta de investir no longo prazo, sendo que o valor mínimo recomendado é, geralmente, de 8 anos (maximização do benefício fiscal), devendo ainda o subscritor efectuar reforços na aplicação, para aumentar o seu rendimento final.

Tipos de seguros de capitalização?

Existem dois grandes grupos de seguros de capitalização: os de capital garantido e sem capital garantido. Alguns destes seguros financeiros com capital garantindo ainda apresentam uma taxa de crescimento garantida, apesar de normalmente ser mínima. Já os seguros sem capital garantido, são semelhantes aos fundos de investimento. Ainda assim, os seguros apresentam uma taxa de rendibilidade definida à partida, e estes, por norma, são de subscrição limitada.

Quais as vantagens e desvantagens?

Os contribuintes que tiverem seguros de capitalização têm duas vantagens: poder ter uma taxa de imposto em sede de IRS no momento de resgate, que diminui com os anos de investimento, e poder indicar como dedução as parcelas referentes a seguro vida quando o seguro de capitalização se reparte entre seguro de vida e seguro de capitalização. No que toca às desvantagens, a sua fraca liquidez e os custos, nomeadamente de gestão, levantamento antecipado e subscrição, tornam este produto mais oneroso.

Bom produto a longo prazo?

Os seguros de capitalização podem tornar-se produtos financeiros com algum rendimento no longo prazo, mas não é garantido já que existem alguns riscos, como por exemplo o risco de desvalorização, nomeadamente com os seguros sem capital garantido. Ainda assim, se atingir o prazo de maturidade, seguramente não irá ter de pagar pelo resgate antecipado, o que pode corresponder a uma boa quantia de dinheiro que poderá tornar o seu investimento positivo.

Posso cancelar?

Sim, poderá cancelar o seu seguro de capitalização. Normalmente, dispõe de 30 dias após receber a apólice para o cancelar. Este cancelamento deverá ser feito por escrito, através duma carta registada à seguradora. A seguradora irá devolver o seu investimento, mas sujeitar-se-á a uma comissão.

Posso resgatar antes do prazo?

Sim, poderá resgatar o seu seguro antes do prazo. No entanto, este resgate terá custos, já que existe uma comissão associada ao resgate. Essa comissão de resgate, poderá ir diminuindo à medida que o tempo passa.

Algumas definições importantes num seguro financeiro.

Entidade Seguradora: É a empresa que lança o seguro. Será, muito provavelmente, uma seguradora ou uma instituição bancária

Tomador do Seguro: é quem celebra o contrato de seguro com a seguradora ou instituição bancária

Beneficiário: É para quem reverte o contrato de seguro, seja pessoa singular ou colectiva

Apólice: Na apólice aparecem as condições do contrato de seguro.

Prémio: Valor a pagar pela tomador de seguro, para que o contrato se mantenha activo.

Prospecto: É muito importante que leia o prospecto com a máxima atenção, de modo a evitar algumas situações que não são desejáveis.

Deixe um comentário

A Caixa de Comentários é moderada. O Saldo Positivo reserva-se o direito de não publicar os comentários que possam ser considerados ofensivos.

PUB