Seis rendimentos que não tem de declarar no IRS

Nem todos os ganhos que obteve no ano passado têm que ser declarados no IRS. Conheça alguns exemplos.

Na declaração de IRS, os contribuintes declaram ao Fisco os rendimentos que obtiveram no ano anterior. Sendo que são discriminados rendimentos de várias categorias: Podem ser ganhos provenientes de pensões; de trabalho por conta de outrem; de trabalho independente; das mais-valias realizadas com investimentos no mercado financeiro; ou do rendimento gerado pelo arrendamento de um imóvel, entre outros exemplos.

Mas nem tudo aquilo que ganhou tem de ser declarado na famosa Modelo 3. Há rendimentos que não estão sujeitos a IRS ou porque já estão sujeitos a um outro imposto ou porque estão isentos de IRS. Veja alguns rendimentos que não tem de colocar na declaração de IRS.

 

 

Leia também os seguintes artigos relacionados:

– Guia: Como preencher o IRS este ano?

– Como garantir que as despesas da casa entram no IRS

– Oito conselhos para preencher o IRS este ano

– Tenho de pedir a senha de acesso ao Portal das Finanças para os meus filhos?

– Quais as datas do IRS a que deve estar atento em 2016

– Quando tenho de entregar a minha declaração de IRS?

– Conheça a nova página do Portal das Finanças para consultar as deduções no IRS

– Guia do E-Fatura: Passo a passo para não perder deduções

– Saiba se está dispensado de entregar o IRS este ano

Deixe um comentário

A Caixa de Comentários é moderada. O Saldo Positivo reserva-se o direito de não publicar os comentários que possam ser considerados ofensivos.

PUB