Tudo o que tem de saber sobre o OE 2015

Grande parte das medidas de austeridade que foram aplicadas nos últimos anos mantêm-se e são agravados alguns impostos relacionados com o consumo.

Publicado em: Orçamento Particulares

OE2015_610x253

 

Tudo o que tem de saber sobre o OE 2015

A ‘Troika’ já deixou Portugal, mas continua a sentir-se a sua presença. A proposta de Orçamento do Estado para 2015, entregue ontem na Assembleia de República, mantém grande parte das medidas de austeridade que têm vindo a ser aplicadas nos últimos anos e agrava alguns impostos relacionados com o consumo. O objetivo para 2015 é reduzir o défice para os 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB) – dois pontos percentuais acima do acordado com a ‘Troika’ – e um crescimento económico de 1,5% no próximo ano. A taxa de desemprego deverá cair para 13,4%, mas a criação de emprego será menor.

Segundo a proposta de Orçamento do Estado, são os impostos sobre o consumo que serão mais penalizados. No entanto, há boas notícias para os funcionários públicos, pois verão 20% do corte nos seus ordenados a ser reposto. Conheça todas as mudanças que este Orçamento do Estado traz e que podem afetar as suas finanças.

 

Leia os artigos relacionados com o OE 2015

O que vai mudar nos impostos em 2015?

OE 2015: As medidas que vão afetar a vida dos pensionistas

Função Pública: O que esperar para 2015?

OE 2015: Como vai evoluir a economia no próximo ano?

OE 2015: Saiba tudo o que muda na vida das empresas

 

Para saber mais detalhes consulte aqui a proposta de lei do OE para 2015 e veja o relatório que acompanha a proposta do orçamento aqui. 

Deixe um comentário

A Caixa de Comentários é moderada. O Saldo Positivo reserva-se o direito de não publicar os comentários que possam ser considerados ofensivos.

PUB